Ferramentas Pessoais
Você está aqui: Página Inicial Reitoria Notícias 2016 07 “Orçamento é patrimônio do povo”, diz reitor
Ações do documento
06/07/2016 às 09h38

“Orçamento é patrimônio do povo”, diz reitor

— registrado em:

Nicácio reconhece o papel de agentes públicos nos profissionais do orçamento e finanças que atuam no IFPB.

“O orçamento é um grande patrimônio do povo. Ele é fruto dos impostos da sociedade e precisa ser analisado com muita responsabilidade para que os nossos recursos financeiros sejam executados com eficiência”, a declaração foi dada pelo reitor Nicácio Lopes no final da tarde desta terça-feira, dia 05, durante a abertura do III Encontro de Diretores de Administração e Finanças do IFPB.

 

O evento acontece no Campus Campina Grande e reúne quase 50 gestores administrativos e financeiros de todos os campi do Instituto Federal da Paraíba numa promoção da Pró-Reitoria de Administração e Finanças. O objetivo primordial do encontro é dar sequência aos estudos analíticos do orçamento implantados pela atual gestão do IFPB.

 

“Temos recomendado, desde o princípio da nossa gestão, que a peça orçamentária seja objeto de estudo permanente”, lembrou o gestor Nicácio ao afirmar que o pró-reitor Marcos Vicente e equipe, bem como os profissionais que atuam nos DAPs, tem assimilado com muita competência o papel de agentes públicos.

 

Nicácio endossou que os eventos da PRA tem possibilitado aos gestores tanto da PRA quanto das bases um acompanhamento atualizado da conjuntura nacional. “Não se pode administrar bem uma instituição do porte do IFPB sem compreender o momento que o país atravessa, sem entender a complexidade dos fenômenos econômicos que impactam diretamente na formulação da peça orçamentária do nosso Instituto”, complementou o reitor Nicácio Lopes.

 

reuniao PRAFO pró-reitor Marcos Vicente acrescentou que o trabalho da PRA tem sido pautado pela integração, harmonização, compartilhamento, planejamento e conhecimento das ações de competência da sua pasta, fazendo-se cumprir o que dizem o estatuto e o regimento da instituição.

 

“No contexto do IFPB, temos competências bem definidas nesses instrumentos regulatórios. No âmbito da Reitoria, a PRA, por exemplo, funciona como órgão que orienta, supervisiona, monitora e fiscaliza. Já nos Campi temos as diretorias de administração e planejamento com o papel específico de órgãos executores que fazem acontecer a materialidade das ações orçamentárias e financeiras”, finalizou o pró-reitor Marcos Vicente.

 

reuniao PRAF 2

 

*Filipe Donner – Diretor de Comunicação e Marketing do IFPB