Ferramentas Pessoais
Você está aqui: Página Inicial Reitoria Notícias Assessoria de Relações Internacionais implementa o estudo de línguas através Núcleo de Aprendizagem de Idiomas
Ações do documento
18/05/2012 às 11h34

Assessoria de Relações Internacionais implementa o estudo de línguas através Núcleo de Aprendizagem de Idiomas

— registrado em:

O Núcleo funciona em todos os campi visando a internacionalização do Instituto

Diante da necessidade do conhecimento de uma língua estrangeira, sobretudo a língua inglesa, por parte dos discentes, docentes e técnicos administrativos, para a participação em programas de intercâmbio ou cooperação técnica, a Assessoria de Relações Internacionais elaborou um projeto de criação de um Núcleo de Aprendizagem de Idiomas (NAI).

“A ideia é fazer com que o Núcleo funcione em todos os campi, visando a internacionalização do Instituto”, afirmou a Coordenadora da Arinter, Verônica Edmundson.  O objetivo do NAI é ofertar inicialmente cursos regulares de Inglês, Espanhol e Francês, desenvolvendo as quatro habilidades da língua. Além disso, o Núcleo irá oferecer o curso de Língua Portuguesa e Cultura Brasileira para Estrangeiros na modalidade presencial e à distância.

A professora Verônica Edmundson destaca a importância do domínio de uma língua estrangeira para o público interno do IFPB: “As relações internacionais se estabelecem por meio da comunicação em diversos idiomas, e a língua é considerada um instrumento que nos permite comunicar com diversos povos. Um bom domínio de, pelo menos um, idioma estrangeiro torna-se uma habilidade fundamental para que se possa ter uma carreira profissional de sucesso. O conhecimento de uma língua estrangeira é preponderante nas relações internacionais. A falta de proficiência do idioma exigido para um intercâmbio constitui-se em um dos principais obstáculos para a mobilidade acadêmica e a cooperação internacional”.

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS:
Com a criação do Programa Ciência sem Fronteiras, os Diretores dos Campi acatacaram o projeto. “Há dificuldades com espaço físico para a implementação do NAI, assim como falta de professores, no entanto, algumas turmas já estão em funcionamento e já há campi com responsáveis pelo setor”.

TESTES DE PROFICIÊNCIA:
Uma das prioridades do NAI será preparar o aluno que já tem um nível intermediário de língua estrangeira para os exames de proficiência exigido pelo Programa Ciência Sem Fronteiras. “Uma das prioridades do NAI será preparar o aluno que já tem um nível intermediário de língua estrangeira para os exames de proficiência exigido pelo Programa. No caso de Língua Inglesa, os exames são IELTS ou TOEFL; de Francês, o certificado do B2.  Muitas vagas não foram preenchidas porque os candidatos não tinham o exame de proficiência na língua estrangeira.”, explica Verônica.

Os interessados em realizar o exames devem ficar atentos à data de inscrição, os dias e os locais da prova já estão disponíveis:

IELTS – locais e datas –  mais informações no site:
http://www.britishcouncil.org/br/brasil-exames-nossos-exames-ielts-datas-e-locais.htm
Local mais próximo: Recife: a Cultura Inglesa estará realizando provas nas seguintes datas: 26 de maio; 30 de junho, 25 de agosto e 27 de outubro.
É possível o aluno fazer um teste de nivelamento, por um custo de R$10,00 (dez reais) pra saber se ele tem condições de passar no exame.

TOEFL: mais informações no site: http://www.ets.org/toefl
Recife: datas: 15 de junho; 04 e 17 de agosto.
Natal: 25 e 26 de maio; 08, 15 e 23 de junho; 06 e 28 de julho; 04, 17 e 25 de agosto.

 B2 – Aliança Francesa mais informações no site: http://www.afjoaopessoa.com.br/spip.php?article1
Data das inscrições pra as próximas provas em João Pessoa:
01 de junho (inscrições encerradas); 10 de agosto, 14 de setembro, 19 de outubro, 23 de novembro.

“É importante que os alunos interessados em participar do Programa Ciência sem Fronteiras realizem seus testes de proficiência com antecedência, pois muitas vezes na época em que o Edital é aberto, não há turmas disponíveis”, finaliza Verônica Edmundson.

 

*Patrícia Nogueira - Jornalista com informações da Professora Verônica Edmundson