Ferramentas Pessoais
Você está aqui: Página Inicial Reitoria Notícias CRPNM assina acordo com a Marinha em Fórum do Conif
Ações do documento
21/11/2012 às 15h39

CRPNM assina acordo com a Marinha em Fórum do Conif

— registrado em:

Centro de Referência em Pesca e Navegação Marítima é autorizado a ministrar cursos pela Diretoria de Portos e Costas

CRPNM assina acordo com a Marinha em Fórum do Conif

João Batista, Margareth e Alm Ilques

O Centro de Referência em Pesca e Navegação Marítima (CRPNM) do IFPB agora está autorizado a ministrar cursos que antes eram de responsabilidade exclusiva da Marinha do Brasil. Em reunião do Conselho Nacional dos Institutos Federais (Conif), o IFPB assinou Acordo de Cooperação Técnica com a Diretoria de Portos e Costas (DPC) da Marinha com esse intuito. O documento foi assinado pelo reitor do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia da Paraíba, João Batista de Oliveira Silva, pela diretora do CRPNM, Margareth Rocha, e o diretor do DPC, Almirante Ilques Barbosa Junior, na tarde dessa terça-feira, no Hotel Marinas, na orla da Capital. 

Na visão do reitor João Batista, o Acordo é o primeiro passo para aumentar a capilaridade do ensino voltado à comunidade aquaviária através dos IFs e para diminuir a distância entre os que se dedicam à pesca e a educação formal. “Imagine 38 institutos pesquisando a área. Esse acordo mostra que mesmo uma entidade da magnitude da Marinha precisa de parceiros. Vamos acabar com aquele provérbio que diz que canoa e rede sabe mais do que pescador”, comentou o professor João. Ele elogiou os profissionais do CRPNM e frisou que o acordo saiu devido à “competência e bravura de uma equipe pequena”.

O trabalho do CRPNM foi destacado na apresentação da diretora Margareth, representante da Setec no GT Interministerial de Formação e Qualificação do Pescador. Ela destacou que mesmo antes do acordo formal, a parceria já estava estabelecida com a Secretaria Especial de Portos com diversos cursos sendo ministrados, além de ações através dos programas “Eu e o Mar” e Sagres. Margareth frisou que 16 cursos são ofertados pelo CRPNM na cidade de Cabedelo com 800 vagas, além da parceria com o Programa Mulheres Mil.

A professora ressaltou que o trabalho do Centro começou em articulação com 37 Núcleos de Pesquisa Aplicada espalhados pelo país. “Tudo o que pesquisamos é utilizado em benefício da comunidade de pescadores e marisqueiras, como projetos de extensão voltados para melhorar apetrechos de pesca”. Margareth comentou que o acordo assinado nesse dia 20 vai possibilitar atender oficiais e profissionais mais qualificados que não precisarão sair daqui para cursos de certificação para aquaviários e fluviais.  

De acordo com o Almirante Ilques, a parceria com os Institutos é fundamental já que há um aumento do movimento nos portos e esgotamento de recursos naturais, cenários que indicam a necessidade de investimento na tecnologia das embarcações, na segurança marítima e nas ações de sustentabilidade. Além do IFPB, também assinaram o acordo o IFCE e IFSC.

O acordo foi possível através do trabalho iniciado pelo Conselho Nacional de Aquicultura e Pesca (Conape), representado pela secretária executiva, Roseli Zerbinato. Ela destacou, em nome do Ministério da Pesca e Aquicultura, que a intenção do Governo Federal é ampliar essas políticas de educação para a comunidade porque representam qualidade de vida e recuperação de uma dívida histórica com os profissionais do mar e dos rios.   

A reunião foi presidida pelo reitor do IFES, Dênio Rebello, presidente do Conif e contou ainda com as apresentações de Marco Bailon (Conape), sobre qualificação para a sustentabilidade, de Diocélio Oliveira (DPC), sobre matrizes curriculares, e de Ildomar (IFSC) e Amilton Nogueira (IFCE) sobre Núcleos de Pesquisa em Pesca. 

margareth conifconif margarethjb conif

Ana Carolina Abiahy – jornalista do IFPB