Ferramentas Pessoais
Você está aqui: Página Inicial Reitoria Notícias Divulgado número de faltosos na prova de Administração Pública
Ações do documento
28/01/2013 às 11h23

Divulgado número de faltosos na prova de Administração Pública

— registrado em:

Quem deseja interpor recurso contra o gabarito, deve protocolar pedido hoje

A Comissão Permanente de Concursos Públicos (Compec) divulgou o número de faltosos na prova de seleção para o curso de Administração Pública do IFPB realizada nesse domingo. Dos 877 inscritos para a prova, 307 não compareceram para o processo seletivo. São ofertadas 200 vagas distribuídas igualmente entre os polos de Alagoa Grande, Araruna, Lucena e Mari.

Para o Polo de Lucena, faltaram 89 dos 249 inscritos. Em Alagoa Grande, 81 dos 219 que se inscreveram não compareceram. Em Araruna, foram 74 faltosos entre os 273 inscritos e em Mari faltaram 63 dos 137 candidatos. Essa é a primeira seleção para o Bacharelado em Administração Pública do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia da Paraíba. O curso superior é na modalidade de Ensino a Distância.

A prova aplicada foi de múltipla escolha com questões de Língua Portuguesa, Língua Inglesa e Matemática, além da redação. O gabarito preliminar pode ser acessado nesse link. Essa segunda-feira, 28 de janeiro, é o dia reservado para os candidatos interessados em interpor recursos contra o gabarito protocolarem seu pedido oficial com fundamentação.

O resultado da prova objetiva deve ser divulgado no dia 22 de fevereiro. A nota da redação é divulgada em 4 de março, cabendo recurso no outro dia, com resultado para o dia 7 de março. O resultado final com a lista de aprovados para o curso deve ser divulgado em 8 de março.

O curso de Administração Pública da EAD atingirá polos onde o IFPB ainda não chegou com seus campi. Ele será de responsabilidade do Campus João Pessoa do IFPB. Todas as vagas são para o primeiro semestre letivo de 2013. O Bacharelado é ofertado pelo Sistema Universidade Aberta do Brasil (UAB), através do Programa Nacional de Formação em Administração Pública.

Nessa seleção, o IFPB já está utilizando os critérios definidos em lei federal para cotas. Assim, há reserva de metade das vagas para estudantes egressos da escola pública, cotas seguindo critérios de renda e com base nos percentuais estaduais de pretos, pardos e indígenas. A instituição reserva ainda 5% das vagas para pessoas com deficiência.

 

Ana Carolina Abiahy – jornalista do IFPB