Ferramentas Pessoais
Você está aqui: Página Inicial Reitoria Notícias IFPB é campeão no Prêmio WEG de Inovação Tecnológica
Ações do documento
05/11/2012 às 16h47

IFPB é campeão no Prêmio WEG de Inovação Tecnológica

— registrado em:

Pesquisa do Campus João Pessoa foi o primeiro lugar na categoria Graduação e professor de Guarabira vence na equipe da Pós-Graduação. Trabalhos são na temática da energia

IFPB é campeão no Prêmio WEG de Inovação Tecnológica

Premiação nacional orgulha a instituição

A Paraíba tem se destacado em vários prêmios de pesquisa na área de tecnologia. Esse bom desempenho se repetiu com a conquista do 1º lugar nas duas modalidades, graduação e pós-graduação, do 2º Prêmio WEG de Inovação Tecnológica. E o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba (IFPB) tem motivos para se orgulhar, já que venceu uma das categoria Graduação e teve um representante na outra. O resultado foi anunciado no dia 30 de outubro.

O concurso identifica e premia trabalhos que apresentem ideias, soluções e processos inovadores, no segmento de atuação do Grupo WEG Equipamentos Elétricos. Os projetos devem enfatizar a sustentabilidade, conservação de energia, eficiência energética, proteção do meio ambiente e fontes renováveis de energia.

Na modalidade Graduação, o trabalho vencedor, Sistema Monofásico de Baixo Custo para Energia Eólica, foi desenvolvido pelos estudantes de Engenharia Elétrica do Campus João Pessoa do IFPB, André Pedro Herculano (7º período) e José Diniz (4º Período), sob a orientação de Artur Dias. A equipe vencedora na categoria Pós-Graduação, foi a UFPB, que tinha entre seus componentes o professor do Núcleo Avançado de Guarabira do IFPB, Ruan Delgado Gomes.

Pesquisa do Campus JP deve abrir espaço para parcerias

O objetivo da pesquisa do Campus JP foi produzir um conversor estático com um gerador de energia elétrica, a baixo custo, utilizando a energia eólica. De acordo com o docente Artur, além de ser sustentável, o diferencial do trabalho foi o baixo custo de fabricação do equipamento.

premio weg jp

Tanto o orientador como os estudantes destacaram que os trabalhos selecionados para a etapa final eram de alto nível e vieram de universidades de todas as regiões do país. “Foi muito importante para a Paraíba ter levado o 1º lugar nas duas categorias, na graduação e pós-graduação. E para o IFPB vencer na graduação e ter um representante na equipe vencedora da pós-graduação, mostra que o Instituto está no caminho certo”, avaliou o estudante José Diniz. O professor Artur também destacou o resultado alcançado pelo estado dizendo que essa conquista “evidencia que o potencial de produção tecnológica das instituições federais de ensino na Paraíba é imenso”.

Além do diferencial nas vidas pessoal e profissional do docente e dos estudantes, segundo o professor Artur, a vitória irá servir de motivação para o aparecimento de novas pesquisas. “Mais um ponto importante a se destacar é a consolidação do IFPB na área de inovação tecnológica”, completou.

O professor Cícero Santos, que representou o professor Artur na etapa final do prêmio, disse que parcerias entre o IFPB e a WEG poderão ser estabelecidas, já que os executivos da empresa se mostraram interessados nas pesquisas realizadas pelo Instituto.

“Agradeço ao CNPq e a Pró-Reitoria de Pesquisa do IFPB pelo apoio, e em especial ao pessoal do curso de Engenharia Elétrica da UFPB, que disponibilizou a plataforma do laboratório de Eletrônica e Potência, onde colhemos os resultados da pesquisa”, salientou o professor Artur. O docente destacou, ainda, a contribuição de outros professores da Área de Indústria do Campus JP, entre eles Cícero Santos, Eduardo Vidal e Edgard Lopes.

E o estudante José Diniz agradeceu a atuação do orientador, professor Artur, durante o desenvolvimento do projeto, como ele está no início do curso, não tinha visto em sala de aula boa parte dos conhecimentos utilizados na elaboração do trabalho. “O professor praticamente me deu aulas particulares para que eu ficasse nivelado. Sou muito grato a ele, porque normalmente um aluno do 4º semestre não tem a oportunidade de participar de um projeto como esse”, revelou José Diniz.

Professor do Campus Guarabira trabalhou junto com a UFPB

premio weg guarabira

Na categoria pós-graduação, o prêmio foi conquistado com o trabalho "Sistema Embarcado Integrado a uma Rede de Sensores sem Fio para Monitoramento de Motores Elétricos de Indução", apresentado pelo docente Ruan Delgado e desenvolvido juntamente com o Grupo de Pesquisa GPICEEMA da Universidade Federal da Paraíba.

O Grupo é composto por Marcéu Adissi (doutorando em Engenharia Mecânica pela UFPB), Tássio Silva (mestrando em Engenharia Mecânica pela UFPB e tecnólogo em Automação Industrial pelo IFPB). Os autores foram orientados pelo professor Abel Cavalcante Lima Filho (departamento de Engenharia Mecânica da UFPB). O grupo contou, também, com o apoio dos professores Francisco Antônio Belo (departamento de Engenharia Elétrica da UFPB) e Marco Aurélio Spohn (Departamento de Computação da Universidade Federal da Fronteira Sul - UFFS).

O trabalho foi com base no desenvolvimento de um sistema para monitoramento em tempo real de torque, eficiência e velocidade em motores de indução, empregando tecnologia de redes de sensores sem fio (RSSF).  Um sistema embarcado foi construído para adquirir sinais elétricos do motor e realizar processamento local para estimação das grandezas. Os valores calculados são transmitidos para uma estação base através de uma RSSF baseada no padrão IEEE 802.15.4. Atualmente, o trabalho está tendo continuidade através de financiamento da Eletrobrás e Distribuição Alagoas (CEAL).

WEG Equipamentos Elétricos S.A.

É uma das maiores fabricantes de equipamentos elétricos do mundo, que atua nas áreas de comando e proteção, variação de velocidade, automação de processos industriais, geração e distribuição de energia e tintas e vernizes industriais.

premio weg joaopessoa

Veja mais:

 

Matéria Campus João Pessoa

 

Matéria Guarabira

 

 

Daniela Espínola e Iris Souto Maior – jornalistas do IFPB