Ferramentas Pessoais
Você está aqui: Página Inicial Reitoria Notícias Nepa participa das comemorações do Dia Nacional da Astronomia
Ações do documento
28/11/2012 às 16h23

Nepa participa das comemorações do Dia Nacional da Astronomia

— registrado em:

Eventos serão centralizados na Estação Ciência Cultura e Artes no domingo

Nepa participa das comemorações do Dia Nacional da Astronomia

Júpiter, o maior planeta do Sistema Solar

O Dia Nacional da Astronomia é comemorado no Brasil, nesse domingo, dia 2 de dezembro. Na capital paraibana, as comemorações serão centralizadas na Estação Ciência, Cultura e Artes Cabo Branco. O Núcleo de Ensino e Pesquisa em Astronomia (Nepa) do Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia da Paraíba vai participar das ações. O Nepa vai estar juntamente com o Laboratório de Astronomia da Estação e a Associação Paraibana de Astronomia (APA). O evento será realizado no terraço da Torre Mirante, a partir das 17h e tem entrada aberta ao público, com observações do céu e palestras. A observação depende das condições climáticas.

O coordenador do Nepa, professor Francisco Nobre, vai falar a respeito das atividades realizadas pelo Núcleo do IFPB, que já realizou cursos para docentes da rede pública e observações guiadas com estudantes em diversas cidades do Estado, tendo atuação marcante nos congressos científicos da área. Ainda dentro da programação, os professores Marcos Jerônimo, da Estação e Tomaz Passamani, da APA, vão falar sobre o trabalho da Associação. Já o professor Paulo Vamberto vai abordar "O Uso do Stellarium", um programa de computador gratuito que simula o céu.

Coincidentemente, no Dia Nacional da Astronomia, vai ocorrer a Oposição de Júpiter, isto é, quando o planeta está mais próximo da Terra e pode ser observado com mais detalhes. Júpiter é o quinto objeto mais brilhante no céu, depois do Sol, da Lua, de Vênus e Marte. É o maior planeta do Sistema Solar, tanto em massa, quanto em diâmetro e o quinto mais próximo do Sol. Possui ao menos 64 satélites, dos quais se destacam os quatro descobertos por Galileu Galilei em 1610: Ganímedes, o maior do Sistema Solar, Calisto, Io e Europa.

As instituições vão disponibilizar alguns equipamentos de observação. Mas, o público também deve levar lunetas, telescópios e binóculos, se tiver. Dois de dezembro foi instituído o Dia Nacional da Astronomia em homenagem ao aniversário do imperador Dom Pedro II, que era um apaixonado pela ciência e estabeleceu o Observatório Nacional no Rio de Janeiro, em 1827.

Saiba mais sobre a programação em www.joaopessoa.pb.gov.br/estacaocb

 

Ascom do IFPB com dados da Assessoria da Estação Cabo Branco